Gresma homenageia José Roberto Fernandes

“A profissão deixa a gente insensível às emoções, mas hoje confesso que estou emocionado”, diz José Roberto Fernandes, ao abrir a sua fala no evento que o homenageou dando o seu nome ao minicampo de futebol do Gresma (Grêmio Recreativo dos Servidores Municipais de Araraquara).

A cerimônia aconteceu nesta manhã de quinta-feira (7), que foi comandada pelo presidente do grêmio, Silvano Drago, e contou com a presença de autoridades, entre elas do prefeito Edinho Silva, de amigos da imprensa, da torcida Coração Grená e de familiares do homenageado.

Na abertura da cerimônia foi apresentado um áudio de vários de gols da Ferroviária narrados por José Roberto. Na sequência, o presidente Silvano explicou que a homenagem deve-se ao fato de que “no campo há vibração, há gol, há emoção, se há emoção Zé Roberto é sinônimo desta emoção”. Drago agradeceu-o por tudo que ele tem feito pela história do esporte de Araraquara e região, em especial da Ferroviária.

Aos 74 anos – desses 42 em Araraquara e 32 d’Os Campeões da Bola –, o locutor da cidade de Colina agradeceu a todos os presentes, aos familiares e aos colegas e amigos de imprensa que o ajudaram ao longo de sua carreira. “Quando comecei na Rádio de Barretos, a PRJ8, ainda jovem, recebi um grande apoio de um amigo, o Luiz Cezar (Fabrini). No início ficava nervoso e foi comunicado de que precisava melhorar. O Luiz Cesar chegou até mim e disse: Você está aqui não é de favor, você está aqui porque você é competente. Passado um tempo, ele foi comandar uma rádio em Uberlândia, Minas Gerais e me levou. Lá foi a minha escola no rádio”, diz emocionado José Roberto.

Sua história com a Ferroviária começou em 1965 ao narrar a vitória grená sobre Barretos, por 3 a 0. O primeiro atleta que entrevistou foi Peixinho. Ele relembrou quando chegou a Araraquara, através de Wagner Bellini. “Aqui não tive dificuldade nenhuma. Parecia que estava em casa”, diz. José Roberto finalizou sua fala dizendo que “a vida é um aprender constante”.

Para o presidente da Ferroviária, Carlos Salmazo, “devemos enaltecer o trabalho do José Roberto. O seu nome está vinculado à Ferroviária. Ele não abandonou a Ferroviária, mesmo nos momentos difíceis de sua história. A Ferroviária só tem a agradecer a você”.

No encerramento da homenagem, antes o descerramento da placa comemorativa, o prefeito Edinho Silva se pronunciou. “Esse é um espaço muito importante que já é utilizado pelos servidores municipais e eu estaria aqui de qualquer maneira para essa inauguração. Mas quando soube que o homenageado seria o José Roberto, tive a felicidade em dobro. A cidade já lhe prestou homenagens singelas, essa é uma homenagem importante, e não tenho dúvidas de que muitas homenagens virão, por tudo o que você representa para a rádio-comunicação de Araraquara e para o jornalismo esportivo”, explicou o prefeito.

O Prefeito de Araraquara relembrou outras passagens. “Comecei a gostar da Ferroviária através do Wilson (Silveira) Luiz, quando ainda era garoto. Depois com o José Roberto Fernandes. Quando não conseguíamos entrar no estádio, ouvíamos o “Zé” Roberto. Você nunca abandonou a Ferroviária, mesmo quando ela caiu para a 4a Divisão do Paulista. Mas, gostaria de dizer que a maior emoção que senti foi ouvindo sua narração quando a Ferroviária subiu ao vencer o Guaratinguetá, em 2015. Me emocionei, chorei”.

A cerimônia foi encerrada com a entrega de uma placa ao homenageado, que também descerrou a placa com o seu nome ao lado do campo e deu o pontapé inicial do primeiro jogo no novo gramado.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s